Notícias

PRF inicia Operação Carnaval 2018


Compartilhe:

Fonte: PRF


Foto: PRF -
Foto: PRF -

A Polícia Rodoviária Federal iniciou a Operação Carnaval 2018 nesta sexta-feira (09). Até o dia 14 de fevereiro, considerando o aumento no fluxo de veículos, a PRF contará com reforço no efetivo no âmbito da 4ª Delegacia.

Desta forma, a fiscalização será intensificada, com os trabalhos direcionados, especialmente, para a alcoolemia, excesso de velocidade, fiscalização de ultrapassagens e uso do cinto de segurança. Na Operação Carnaval de 2016 não foi registrado nenhum acidente grave, o que a PRF espera que se repita em 2017. 

Educação para o trânsito

A intenção é aumentar as ações voltadas à educação para o trânsito, uma dos principais focos desta administração. A ênfase será dada à orientação sobre o uso do cinto de segurança nos veículos de transporte de passageiros.

As ações deverão ser mais acentuadas nos dias e horários de maior movimento. A previsão é que os dias e períodos de maior fluxo de veículos sejam: 

09 e 13/02 - em especial a partir do final da tarde, aumentando até a noite
 
10 e 14/02 - pela manhã


Restrições de Tráfego

Para melhorar a segurança neste feriado, a PRF irá restringir o tráfego de alguns veículos de carga em rodovias de pista simples. Caminhões bitrens com dimensões excedentes, caminhões cegonhas e de transporte de veículos e cargas paletizadas devem obedecer à seguinte restrição: 

09- 16h às 22h
10 - 06h às 12h
13- 16h às 22h
14 - 06h às 12h

A PRF orienta aos motoristas que procurem evitar o deslocamento nos horários de pico. Também é muito importante a revisão no veículo antes de pegar a estrada, assim como planejar bem a viagem.

Durante o percurso, é indispensável que os condutores tenham paciência para lidar com os possíveis engarrafamentos, ou mesmo com a lentidão do trânsito. E, acima de tudo, devem evitar imprudências como ultrapassar em locais proibidos, beber antes de dirigir, exceder os limites de velocidade, não guardar distância segura com relação aos demais veículos, deixar de utilizar o cinto de segurança, dentre outras.