Notícias

Estado quita salários de 160 mil servidores nesta terça-feira


Compartilhe:


O governo do Estado paga integralmente, nesta terça-feira (31), os salários de outubro para os servidores com rendimento líquido de até R$ 2 mil, o que contempla 47% do funcionalismo vinculado ao Executivo. Esse percentual representa 160.389 vínculos com o salário quitado no último dia útil do mês. Para liquidar a folha a este primeiro grupo de servidores, seguindo a orientação do governador José Ivo Sartori de pagar antes os que ganham menos, a Secretaria da Fazenda precisou dispor de R$ 228,45 milhões em caixa.

Os valores estarão disponíveis para saque na rede bancária logo cedo pela manhã. Também nesta terça-feira (31) será creditada a penúltima parcela (11ª etapa) do 13º salário de 2016 para todos os servidores (independente do vencimento líquido), o que representa outros R$ 102 milhões. Ao contemplar os salários de até R$ 2 mil líquidos, o Estado integraliza a folha para 56,6% do Magistério, que é a maior categoria do serviço público. Isso representa 93.549 professores com o rendimento quitado nesta terça-feira (31).

A folha líquida deste mês ficou em R$ 1,22 bilhão (sem considerar as consignações bancárias). A Secretaria da Fazenda prevê o pagamento integral de quem ganha até R$ 5 mil líquidos até o dia 10 de novembro, o que contemplará 84% do funcionalismo (287.084 matrículas). A quitação integral para todos servidores está prevista para ocorrer no máximo no dia 14 de novembro, de acordo com o comportamento da receita neste período. O Executivo compreende 342.742 vínculos entre ativos, inativos e pensionistas.

Saúde

Além dos valores necessários para iniciar o pagamento dos salários de setembro, o Tesouro do Estado realizou ainda nesta segunda-feira (30) o repasse de outros R$ 60 milhões para o custeio da saúde. Neste mês, para atender aos compromissos com hospitais e programas conveniados com as prefeituras, os pagamentos com recursos próprios chegaram a R$ 148 milhões.

Texto: Pepo Kerschner/ Ascom Sefaz
Edição: Léa Aragón/ Secom